Gráficos na tela de produtos

Todos os gráficos nessa tela não consideram devoluções. Exemplo, digamos que efetuou a venda de 20 Coca-Cola hoje, amanha o cliente devolve esses itens, o operador efetua na tela de Entrada uma operação para retornar com os itens para o estoque, devolver o dinheiro ou gerar credito para o cliente, abater comissão do vendedor, etc. Nesse caso a Coca-Cola continuará constando como venda nos gráficos.

O sistema considera o dia em que o estoque do item foi efetivado e não da venda. Cada item no sistema tem uma data de saída do seu estoque, que inclusive podem ter vendas que ainda não foram finalizadas, mas o item já saiu do estoque. Ao selecionar um período nessa tela o sistema considera essa data de saída do item.

O sistema não considera itens que foram desefetivados, quando desefetiva uma venda o sistema desefetiva a saída desses itens do estoque. Porém pode ocorrer de um item ser estornado sem a necessidade da venda inteira ser desefetivada, note que isso não é o mesmo que realizar a devolução do item. Esse procedimento é muito comum em operações de Ordem de Serviço. Nesses casos em que o item foi estornado para o estoque, ele não entraria nos cálculos do gráficos.

O Tile (quadrado) que representa a "Venda total R$" puxa a venda em valor de todo o período. Usamos o valor final do item, ou seja já com desconto e impostos. Lembrando que ele não abate as devoluções.

O Tile que representa o Ranking é uma forma de mostrar como o produto está classificado em relação aos demais do estoque pelo valor de venda. Usamos o valor final do item, ou seja já com desconto e impostos. Lembrando que ele não abate as devoluções.

Por conta dessas peculiaridades esses gráficos podem parecer ligeiramente diferentes de alguns relatórios.



Damon - 07/12/2019

Comentários






Copyright © 2014. All Rights Reserved