Esta tela será utilizada para configurar as operações.

Abrir tela:

  • Selecione o módulo CONFIGURAÇÕES;
  • Clique no menu Operações
  • Selecione qual tipo de operação será criada/modificada/exclusa (Operação de Entrada ou Operação de Saída)

Na tela superior de cadastro de operações, além de se criar uma nova operação é possível editar e apagar os mesmos.

Botões

  • Código: Onde se define um código numérico para os operações a serem cadastrados.
  • Nome: Onde será definido o nome da operação.

Propriedades

Nessa guia se define os parâmetros da operação. As opções a serem ou não marcadas são:

  • Aumenta estoque: se a operação aumenta o estoque
  • Gera financeiro: se a operação gera registros financeiros de entrada/saída.
  • Diminuir comissão : define a comissão do vendedor cadastrado no sistema.
  • Permite emissão de nota: define se a operação permitirá emissão de notas fiscais.
  • Mostrar detalhes ao emitir NFe: mostra os detalhes da operação na nota fiscal eletrônica.
  • Mostrar detalhes ao emitir ticket: mostra os detalhes da operação no ticket.
  • Tipo de operação: compra,transferência, grátis, pedido de compra, devolução de cliente, outros.
  • Cashback: defina um % para ser aplicado como Cashbak no valor final da venda.

Cashback

  • O sistema irá gerar um crédito para o cliente informado no movimento.
  • Esse crédito não irá passar pelo caixa, ele será lançado no cadastro e você pode configurar o sistema para imprimir o total de crédito disponível e também o quanto foi gerado na venda de Cashback.
  • Nós não geramos cashback para o cliente código 1.

Limitações cashback

  • Nós não conseguimos separar o crédito de cliente do cashback na hora de usar o crédito disponível.

Isso porque nosso sistema de crédito funciona como uma conta bancária. Então imagina que você fez um depósito no seu banco no começo do mês. Ao sacar, você não consegue falar que está sacando o depósito feito no dia X, você saca do saldo total da sua conta.

Diante disso, vou explicar melhor, imagina que o usuário tenha o seguinte:

  • Crédito de troca: 100,00
  • Crédito de cashback com vencimento para hoje: 20,00
  • Crédito total = 100+20 = 120,00

Ele identifica que tem 20,00 em cashback vencendo hoje, vai e faz uma compra de 20,00. Ao pagar, vai aparecer que ele tem o total de crédito de 100,00, porém vai mostrar que ele tem um Cashback vencendo hoje de 20,00.

Quando virar o dia, ele vai passar a ter um total de crédito de 100-20(cash back expirado) = 80,00.

Então não tem como definir que está usando o cashback na hora de usar o crédito. Para ele poder usar o crédito sem perder o cashback expirado ele deveria fazer uma compra de 120,00 assim usaria todo o crédito de troca + cashback do dia.

Caso isso seja inviável para a sua estrutura de trabalho, recomendamos não usar validade no cashback, assim não teria problema de usar o crédito de troca + cashback vencendo.

  • Não é possível gerar cashback apenas do que não for de crédito. Nosso sistema trabalha gerando cashback de todo o valor da venda, assim quando for finalizar o movimento ele vai gerar cashback do próprio cashback usado.

Isso pode ser até bom, pois a ideia do cashback é fazer o cliente retornar sempre, então ele irá voltar novamente para utilizar o seu cashback.

  • Não podemos limitar o uso de cashback sem uma outra forma de pagamento junto.

Muitas lojas dizem para utilizar cashback apenas se o cliente comprar parte em outra forma de pagamento. Digamos que você tem 20,00 de cahsback, teria que comprar algo acima de 20,00 para poder usar esse cashback.

Nós trabalhamos com crédito disponível e ele pode ser usado em qualquer momento.

O que você pode fazer para minimizar isso é colocar um valor mínimo para receber na forma de pagamento de crédito. Para isso consulte nosso artigo sobre Forma de pagamento.

Impostos

Nessa guia se define os parâmetros de impostos da operação. As opções a serem ou não marcadas são:

  • Calcula ICMS
  • Somar valor do ICMS Substituição no total da nota
  • Calcula IPI
  • Calcula PIS
  • Calcula CONFINS

Observações

Observações: coloca-se quaisquer tipo de observações fiscais sobre a operação a ser cadastrada. Ao se colocar o percentual de aproveitamento, o mesmo será importado para esse campo de observações com as tags <VALOR_APROV> e <PERC_APROV> deixando de ser necessário ao usuário calcular os percentuais de aproveitamento de crédito a cada operação a ser executada.

  • Salvar (F2): Ao terminar o cadastro basta apertar este botão para fechar a tela.
  • Salvar e continuar (F3): Caso o usuário deseje continuar cadastrando duas ou mais operações aperte este botão.

Cadastro

Ao clicar no botão Novo será possível a inclusão de novas operações. Basta preencher os campos obrigatórios. Em seguida basta clicar em Salvar (F2)**,caso esteja finalizado o cadastro de operações ou ,caso queira cadastrar duas ou mais operações, clicar em Salvar e continuar (F3).

Para um novo cadastro clique em Novo (F5).

Edição

Na tela superior ao clicar no botão Alterar , é possível realizar alterações nas operações cadastrados anteriormente. Não é possível redefinir o código das operações já cadastradas, apenas os outros itens do mesmo. Logo após efetuadas as modificações, basta clicar em Salvar (F2), caso esteja finalizada a alteração de cadastro de operações ou, caso queira cadastrar duas ou mais operações clicar em Salvar e continuar (F3).

Apagar

Para apagar uma operação cadastrada basta encontrá-la em buscar e clicar em apagar. Na tela de confirmação basta clicar em OK e a mesma será apagada do banco de dados.



Importante - Leia -

Depois de criar a "Operação" é OBRIGATÓRIO configurar a classe de imposto, essas informações quem deve fornecer é a contabilidade do cliente. Só vai conseguir usar a operação 'nova' depois de configurado a classe de imposto.



Outras informações

Damoncriado em 11 mar 2016 alterado em 18 jun 2024

Manual Configurações Manual

7754 | 0